Com nova sede sustentável e vários programas de inclusão no mercado de trabalho, cooperativa gera mais oportunidades e comemora o aniversário da cidade
Foto: Divulgação/Sicredi

Iniciativas que fomentam o trabalho e a qualidade de vida na sociedade são as marcas do cooperativismo na história de Maringá. Com a chegada dos 74 anos da cidade, a Sicredi União PR/SP reforça um novo capítulo nessa trajetória, com histórias de inclusão e de sustentabilidade.

Um dos relatos de superação no trabalho com a comunidade é de Vando Garcia Gonçalves, pai do Leandro Garcia Gonçalves, que encontrou na cooperativa a oportunidade de desenvolvimento para filho com deficiência.

Diagnosticado com lesão cerebral logo nos primeiros anos de existência, Leandro enfrentou uma série de desafios na luta por mais qualidade de vida.

Superadas as dificuldades motoras, após a mudança da família de Londrina para Maringá, Leandro passou a frequentar a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

“Ele não conversava muito, era um menino arredio, às vezes até com os conhecidos da família, muito porque antes disso ele não teve a oportunidade de conviver com outras crianças como ele” relatou o pai.

Na instituição, que frequentou ao longo de alguns anos, foi onde Leandro entrou em contato pela primeira vez com a Sicredi, através do programa ‘Eu coopero com a inclusão’, uma iniciativa da cooperativa que visa oferecer oportunidades de acesso ao mercado de trabalho para pessoas com deficiência.

“Desde o início, o projeto vem atuando para a integração do Leandro na sociedade. Com trabalho junto à instituição, ele mudou muito, ficou mais calmo e hoje é um menino diferente. Nas próprias reuniões da Sicredi, o Leandro fala ao microfone, conversa com o presidente, interage com os outros colegas. Não é um trabalho de um ou dois anos, mas de uma vida inteira. Na Sicredi, eles trabalham cada com um cuidado único, como eles merecem”, declara Vando.

Dentro do projeto, Leandro e outros participantes realizam uma série de atividades que auxiliam no desenvolvimento de aspectos comportamentais, técnicos e também socioemocionais.

Em paralelo, eles também atuam como colaboradores nas atividades administrativas da Sicredi, realizando o atendimento aos associados nas agências, recepção na sede da cooperativa e também em serviços na área de tecnologia da informação.

Hoje aos 42 anos de idade, Leandro se destaca com a realização de trabalhos manuais e continua se desenvolvendo com as práticas do curso de informática.

Fora do período da pandemia, ele também atua com as tarefas administrativas que fazem parte do seu dia a dia de trabalho na rotina da agência.

“O papel da Sicredi é de uma empresa cidadã, que se preocupa não só com a cooperativa, mas com as pessoas que vivem na cidade de Maringá. Com o Leandro no projeto, consigo imaginar uma vida mais independente para ele no futuro. Na minha família, ele não é diferente, é igual aos meus outros filhos. Na Sicredi, ele conseguiu descobrir o seu potencial para com a sociedade”, compartilha o pai.

Entre as diversas iniciativas que o projeto oferece, Leandro também participa do Coral da Inclusão, onde se encontra com outros colegas de Maringá e da cidade de Nova Esperança, para os ensaios semanais.

Ensaio do Coral da Sicredi União PR/SP, que conta a participação de integrantes do projeto Eu coopero com a inclusão e outros colaboradores da cooperativa — Foto: Divulgação/Sicredi

Junto ao grupo, Leandro participa de apresentações em diversos eventos por toda cidade. Agora ele e os integrantes do coral se preparam de forma remota para a próxima apresentação na inauguração da nova sede da Sicredi União PR/SP em Maringá.

Cooperação que gera crescimento: Sicredi União PR/SP inaugura nova sede na cidade de Maringá em 2022

Cooperação que gera crescimento: Sicredi União PR/SP inaugura nova sede na cidade de Maringá em 2022 Nova sede da Sicredi União PR/SP em Maringá será aberta para o uso de toda a comunidade da cidade — Foto: Divulgação/Sicredi

Mantendo seu compromisso com o desenvolvimento sustentável, a chegada dos 74 anos de Maringá será marcada pela aceleração da construção da nova sede da Sicredi União PR/SP na cidade.

O empreendimento faz parte da materialização do sonho da instituição, em oferecer um ambiente que venha a contribuir para os colaboradores, associados e toda a população de Maringá, como explica o presidente da Sicredi União PR/SP, Wellington Ferreira.

“A nossa sede materializa tudo o que fizemos todos esses anos aqui em Maringá, principalmente com a evolução do agronegócio da região e demais segmentos. Queremos que a sede seja uma ponte para o futuro, com todo esse conhecimento que adquirimos para uma caminhada mais sólida, colaborativa e de união entre as pessoas”, explica o presidente.

Além de receber os mais de 250 colaboradores da cooperativa que moram em Maringá, a sede também será de uso aberto para a comunidade. Para isso, o edifício contará com um amplo bicicletário e vestiário para o incentivo da prática de atividades esportivas.

O espaço também irá contar com creche para os filhos dos funcionários, biblioteca, refeitório, área de descanso e espaço gourmet. Já no atendimento ao público também estarão disponíveis ambientes para coworkings, startups e auditório com capacidade para mais de 450 pessoas.

Localizada entre Avenida Paraná, esquina com a Avenida Carneiro Leão, a construção do empreendimento seguiu os protocolos do conceito green building, focado na oferta de tecnologia e na preocupação com o meio ambiente.

Isso inclui racionalização do uso da água, eficiência energética, além de qualidade ambiental interna e externa, que garante inovação no aproveitamento de recursos e materiais conforme a necessidade de uso no edifício.

Com o marco de um novo momento da Sicredi União PR/SP na cidade, o próximo passo no desenvolvimento da sede é buscar a certificação Leed Platinum, que atesta a sustentabilidade do edifício, com certificação da Organização não governamental americana U.S. Green Building Council (USGBC).

“Com um prédio sustentável, despertamos a atenção das universidades, que trazem seus alunos para acompanhar de perto as novidades da obra. É uma construção quase que artesanal, tudo que está no projeto foi feito pensando nas pessoas que vão trabalhar e frequentar o espaço. Nosso objetivo é ter uma sede aberta para os parceiros e entidades, o que vai dar uma vida diferente para a comunidade de Maringá”, destaca Wellington.

Mais do que gerar sustentabilidade, a entrega do prédio a Maringá, representa a consolidação da cooperativa na cidade, que promete ampliar a oferta das oportunidades de emprego e geração de negócios ao longo dos próximos anos na região.

https://gshow.globo.com/RPC/Estudio-C/Especial-Publicitario/sicredi/noticia/inclusao-e-sustentabilidade-crescem-no-sicredi-uniao-prsp-em-maringa.ghtml